quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Saudades




Saudades são como baratas?


Feitas para serem mortas...











Quando isso não acontece é porque algo fugiu ao controle.

8 comentários:

  1. Acho que no fundo não é o que você pensa. Pera, vou ler de novo...lennnnnndo:
    Tá, foi mesmo> Não quero matar a saudade do meu irmão, da minha mãe, irmã que se foram. Não quero deixar se sentir saudade de você quando ( bati na madeira aqui três vezes) houver o seu translado para o outro plano, quando vc se tornar um espírito de luz

    ResponderExcluir
  2. Brito, não entendi o que vc quis dzer, mas concordo! Também acho que nada é o que penso! r****

    ResponderExcluir
  3. R*******não entendeu que nao quero sentir saudade quando vc se tornar um espíreito de luz?
    uai, tá achando que já é...iluminada sim mas espírito!

    ResponderExcluir
  4. Só o bRIto pra me fazer rir! Inda tô me achando naum! Negó é o silogismo... Faiô... que se não quer matar a saudade dos que se foram, como vai querer matar de mim qdo eu me for... Se for assim será p q? Vai partir primeiro? r****

    ResponderExcluir
  5. Gente do céu! 6 dois são complicados pacas!
    Precisa tá longe não pra sentir saudade, pô!
    E ninguém morre quando se vai pras outras beradas. Morto está o vivo que já não reside em coração nenhum. Saudade é um trem ruim que é bom demais. Quer matar a barata, mata! Mas deixa a saudade viva. Tb . nem gosto de barata.
    Ah, se eu me for indo, antes que eu chegue lá, bote uns trequinhos da Avon na urna. Quero chegar sem rugas do outro lado, pra não sentir saudade da minha cútis do agora, que pra bem da verdade, ontem tava bem melhor.
    Rita Lavoyer

    ResponderExcluir
  6. r*** Eita Rita! Seus comentários e o viés dos seus pensamentos fazem falta.
    Sua cútis é de primeira a cada idade que corresponde. O que já é muito mais do que outras de nós temos. r**
    Quem tá matando é só o Brito!!!
    Eu mato só saudades. E mesmo assim desejando não senti-las, mas em sentindo sou agradecida e já disse isso em poema, porque se elanão me assolasse eu jamais teria amado! Bjs e thank's pela visita! (pra rimar com Rita)

    ResponderExcluir
  7. kkkk, nunca imaginei comparar uma coisa tão inexplicável como é a saudade, com algo tão asqueroso como uma barata.
    Saudade às vezes é até gostoso de sentir.
    abçs, Cecília

    ResponderExcluir
  8. Não que a existência das baratas seja explicável..., né Paty? r**** Bjks!!!

    ResponderExcluir

Que bom que quis comentar. Pode esperar que logo respondo. Obrigadinha.